Exército ucraniano ataca com drones e causa a morte de menino de cinco anos em Donbass

5.04.2021 WORLD & GEOPOLITICS

Na República Popular de Donetsk, uma criança de cinco anos morreu devido a um ataque de um drone ucraniano no sábado. “A PACE (sigla em inglês para Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa)e a OSCE (Organização da Segurança e Cooperação na Europa) deveriam exigir explicações da liderança ucraniana”, disse o Presidente do Parlamento Russo.

No dia 3 de abril, como resultado do bombardeio nos arredores de Donetsk, morreu uma criança nascida em 2016. De acordo com a Milícia do Povo da República Popular de Donestk, o exército ucraniano usou um veículo aéreo sem tripulação equipado com bombas. O menino morreu no local e, ainda, uma senhora idosa ficou ferida. Eles estavam no pátio de um prédio residencial no assentamento de Aleksandrovskoye quando um drone ucraniano lançou um artefato explosivo na área.

A família confirma a versão oficial – foi um ataque de um drone ucraniano. A equipe do Frente de Notícias visitou a aldeia de Aleksandrovskoye e conversou com a avó da criança. Ela disse que desejava que o militar ucraniano, que havia cometido esse crime, sonhasse com o inocente garoto Vladik todas as noites.

“Não sei que tipo de guerra pode haver com essa criança. Ele não sabe o que é guerra, não lhe ensinamos essa palavra e ele não sabe como jogá-la. Não pronunciamos esta palavra. Vladik tinha cinco anos de idade. Amava a natureza, era um menino alegre e gentil, sonhava em ser cozinheiro … ”disse a avó da criança falecida.

PACE e OSCE devem exigir explicações da liderança ucraniana em relação à morte de uma criança em Donbass e avaliar o que aconteceu, disse Viacheslav Volodin, presidente do Parlamento russo, propondo-se a discutir a exclusão da Ucrânia do Conselho da Europa.

O Secretário de Imprensa do Presidente da Rússia, Dmitry Peskov, disse: “Cada vez que uma pessoa morre, especialmente se for uma criança, é uma tragédia. Claro, tudo isso são consequências amargas da situação instável. Além disso, as consequências do aumento da tensão na linha de contato”. Ele também acrescentou que o Kremlin considera importante garantir a segurança de todos os cidadãos das autoproclamadas repúblicas de Donbass.

“A criança que morreu hoje em Donbass nasceu durante a guerra e morreu nela. Ele nunca aprendeu o que é verdadeiramente uma infância comum pois não conheceu a paz”, escreveu Alexander Kots, um jornalista de guerra. Outro jornalista militar informou que observadores internacionais foram instruídos sobre como encontrar a família do menino e devem comparecer ao funeral da criança.

Na segunda-feira, 5 de abril, o Comitê de Investigação da Rússia abriu um processo criminal sobre a morte de uma criança e os ferimentos de dois residentes. O anúncio foi feito por Svetlana Petrenko, representante oficial do Comitê de Investigação da Federação Russa.

De acordo com um representante do Provedor de Justiça do DPR, desde 2014, 81 crianças morreram devido a bombardeamentos no território da República Popular de Donetsk. Na República Popular de Lugansk, 34 crianças foram mortas. Centenas de pessoas ficaram feridas, sem falar nas milhares de crianças que perderam os pais, bem como aquelas cujas casas foram destruídas.

Fonte: https://mainland.press/2021/04/05/five-year-old-boy-died-in-donbass-during-a-strike-by-a-ukrainian-drone/

 

Tradução – Humberto Carvalho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: